domingo, 14 de junho de 2009

Somos todos bombas relogios!


Não faz tanto frio lá fora, Talvez a única coisa, Que faça e que meus pés fiquem totalmente gelados.

Nada alarmante, Nada tão perigoso, Quanto ele é.

Ou talvez simplesmente o calor do meu quarto esteja em um ponto, que faça “o Inferno” ser uma simples churrasqueira diante de meu nobre quarto.

Tão abafado, que mal circula o ar e minha respiração, Que neste momento esta ofegante, mas não o bastante para que eu tenha que abrir as janelas para poder entrar ar.

Bastante rarefeito, Em que as moléculas que existem aqui dentro, Estão simplesmente pulsando como os meus pulsos como o meu coração. Que bate tão depressa que eu acho que sinto medo.

Mas se fosse medo, Estaria com frio, Mas não sinto frio.

Total indecisão que minha alma, pede ajuda, Mas para as pessoas erradas, Que fazem minha alma gritar cada vez mais, Que se torna totalmente uma melodia de dor, uma musica que com certeza.

Não iria querer ouvir.

Mas o simples fato disso tudo acontecer, E que lembranças se tornam realidade, E seus desejos se invertem a medos, Que totalmente contraem uma forma desesperadora,

Talvez monstros, mas não me sinto insano, Tenho total controle de meus atos, talvez não de minhas emoções, que de fato, estão explodindo por dentro de meu peito,

E como eu já disse antes, somos bombas relógios de emoções, Quando explodem, Talvez faça mais estragos em si mesmo, do que nos outros!


Então, Aqui fica meu aviso, Minha bomba esta prestes a explodir!

5 comentários:

alessandra disse...

Eu axei o texto lindo e mt vc se expressa mt bem! ate me deu vontade de chorar praticamnte senti a sua dor lindo msm omg!
bj

Donald disse...

Estranho pensar logo em uma bomba-relógio!!! É como se a gente fosse programado pra explodir, como se naum houvesse o livre arbítrio!!! Estranho... Não são coisas que a gente escolhe... mas a gente pode evitar e ou amenizar!!!! =D

Jhessy_news disse...

Acho que nem sempre estamos com as pessoas certas , mais aprendemos ter controle sobre nos mesmo , ou fingimos ter as vezes esquecendo de ser sincero com si propio acabando desencadeando varias reaçoes e atitudes... Lindo texto na real :D beijoooo

Haani-chan disse...

Nossa qe profundo, nao sabia qe vc tinha esse dom tao lindo de escrever *-*
muito bom syn, parabens :)

beijos da menina da maquina do kodama :* hahahaha

Janaina disse...

EH UM DOS MELHORES QUE EU JA VI !♥